29 de fevereiro de 2016

House of Cards

Olá humanos! De volta do hiato/limbo que se chama vida universitária, estou aqui novamente para falar de uma série que conquistou minha total atenção e interesse. Relaxem que não teremos spoilers.

Ou como eu gosto de chamar com voz de narrador da sessão da tarde: "Castelo de Cartas"

Sim! Esta série viciante, explícita, violenta, descarada, dramática e maravilhosa!
House of cards é um drama político americano, desenvolvida e produzida por Beau Willimon. A série teve sua primeira temporada de 13 episódios lançada toda de uma vez na Netflix (S2) em fevereiro de 2013, a segunda temporada em 2014, a terceira em 2015 e a quarta será lançada em março de 2016!!!
A série está confirmada até 2017, para a quinta temporada. Beau Willimon entretanto vai sair do desenvolvimento da série depois da 4ª temporada. 

Sempre ouvi falar sobre esta série em podcasts e pela internet, então como minha linda e gentil namorada nos fez uma conta da Netflix, resolvi finalmente conhecer a série.

Ahhh Netflix, o que dizer dessa empresa que acabei de conhecer e já considero pacas?
O protagonista da série é Frank Underwood, interpretado majestosamente pelo ator Kevin Space, um congressista que é líder da maioria do senado e almeja chegar ao topo da cadeia alimentar política custe o que custar. Agora uma das melhores coisas da série é a quebra da 4ª parede, o protagonista fala diretamente com o público nos momentos certos, e isso é fantástico!

Você não vale nada, mas eu gosto de você!
A série é recheada de excelentes atores dos quais eu nunca tinha ouvido falar. A esposa do Frank, Claire Underwood é interpretada pela atriz Robin Wright e tem um charme próprio com sua elegância e com a voz sempre calma. Apesar de parecer sempre decidida e certa de suas convicções, ela é confrontada com situações que obrigam ela a escolher o lado humano ou o lado frio e calculista de Frank. Entretanto eles formam um casal completo que confia plenamente um no outro, parceiros em tudo, e não tem nenhum segredo.

Eu não sou fã de cabelo curto, mas esse cabelo combina muito com ela mesmo.
Com a trama se desenvolvendo ao redor dos Underwood, o espectador se choca cada vez que Frank joga mais sujo, e se desumaniza, para conquistar seus objetivos.



 Frank Underwood na sua escalada ao poder, não deixa pontas soltas e conta com uma equipe de gabinete tão comprometida quanto ele próprio, encabeçada por Douglas Stamper (interpretado por Michael Kelly), um dos personagens que mais se desenvolve durante a série, junto com Remy Danton ( interpretado por Mahershala Ali).


A série é repleta de reviravoltas ou plot twists e cada episódio é incrível. Praticamente não tem episódio parado. House of Cards com certeza ganhou lugar entre minhas séries preferidas e da Betah também. Mal podemos esperar até março deste ano, para sabermos que fim levará as eleições americanas dentro da série.
Um aviso, a série tem muito conteúdo sexual explícito e violência, então assista apenas se você for maior de 18 anos e fique preparado, mas relaxa que não é todo episódio que tem essas coisas.

A bandeira americana invertida foi uma ideia genial para o símbolo da série
Até a proxima!
Bye

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sua opinião, crítica, sugestão ou whatever!
Nós do Peixe com Sales agradecemos!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...